• Apresentação

      O Mestrado Profissional em Turismo da Universidade de Brasília-UnB, público e gratuito, faz parte dos 147 programas de pós-graduação stricto sensu.…

      Leia mais »

Banner destaque


Apresentação

O Mestrado Profissional em Turismo da Universidade de Brasília-UnB, público e gratuito, faz parte dos 147 programas de pós-graduação stricto sensu.

O programa é vinculado ao CET, uma unidade de ensino, pesquisa e extensão da UnB, criada em 1998, com o objetivo de ser um polo de produção e difusão do saber em projetos, eventos e cursos na área do Turismo, a qual conta com a colaboração de diversos professores oriundos de distintos institutos e faculdades da Universidade, garantindo sua concepção interdisciplinar nas práticas pedagógicas e de gestão.

Criado em março de 2006, no formato in company em parceria com o Ministério do turismo e EMBRATUR, o mestrado em Turismo do CET/ UnB foi o primeiro de caráter profissional – destinava-se à análise das tendências de mercado e ao preparo para funções executivas e de planejamento. Localiza-se no complexo do CET, no Campus Darcy Ribeiro, no Plano Piloto, na Asa Norte seguindo as especificações da concepção urbanística estabelecida para a Capital Federal.

Atendendo à missão da Universidade de Brasília que é a de “produzir, integrar e divulgar conhecimento, formando cidadãos comprometidos com a ética, a responsabilidade social e o desenvolvimento sustentável”, em 2010 transformou-se em um programa publico e gratuito. Atualmente, a partir das orientações do comitê de avaliação da CAPES (2013), o programa é composto de uma área de concentração – Cultura e desenvolvimento regional – e duas linhas de pesquisa, respectivamente: Cultura e Sustentabilidade no Turismo e Desenvolvimento, Políticas Públicas e Gestão no Turismo. Desde o ano de  2013 o programa apresenta  um corpo docente mais  consolidado, ampliando sua participação em orientação, docência e pesquisa, atento ao cumprimento de todos os prazos para exames de qualificação e defesas de dissertação, com 8 (oito) pesquisadores na linha de :Cultura e Sustentabilidade no Turismo e 7 (sete) na linha de Desenvolvimento, Políticas Públicas e Gestão no Turismo Assim como a atuação dos seus Núcleos de Pesquisa em Políticas Publicas em Turismo e Núcleo de Estudos em Turismo Responsável que realizaram seminários internacionais e projetos de pesquisas com a inserção de alunos do programa de  mestrado e graduação do CET e do CDS.

Uma de nossas metas é que, até o final deste quadriênio, uma nova reforma curricular seja realizada tendo como prioridade  reduzir a carga horária do curso que hoje exige que sejam cumpridos 30 créditos distribuídos em disciplinas obrigatórias e optativas.

Somos o único Mestrado em Turismo público e gratuito da região Centro Oeste. Recebemos alunos de várias partes do país. Essa diversidade promove uma rica troca de experiências tanto no âmbito da sala de aula quanto no âmbito dos projetos de pesquisa e na vida acadêmica cotidiana dentro do CET.

A coordenação foi assumida pela Drª. Profª. Marutschka Moesch a partir de agosto de 2014. Foram credenciados no ano de 2014 mais 2 (dois) novos docentes permanentes extremamente comprometidos com o programa e com a área do Turismo e cuja participação inclui orientação, docência e pesquisa e atuação em órgão público (Ministério do Turismo).A edição do II Seminário latino Americano de Políticas Públicas em Turismo foi realizado com total êxito, como a edição de dois volumes da revista Cenário. Atendendo as recomendações do relatório da CAPES

Organização Acadêmica e Administrativa do Curso:

 

O MPT abriga uma carga horária de 450h/a correspondentes a 30 créditos distribuídos em disciplinas obrigatórias e optativas.

Eventos e datas importantes

Veja mais »

Notícias e informações

Veja mais »